Um dia de diversão, convívio, reflexão e ativismo. É o que propõe a Praia do La Greca, que se realiza no próximo dia 26 de agosto a partir das 10h no Museu Murillo La Greca, na beira do Capibaribe. Música, performances, piscininhas,  exposição , joguinhos d’água, bebida, filmes e petiscos reunirão o pessoal que sonha em um dia poder dar um bom mergulho no rio que corta o Recife de ponta a ponta. A Praia será também a ocasião para o Fórum Pernambucano de Comunicação lançar no estado a Campanha Nacional pela Liberdade de Expressão. Esta ação cidadã é coordenada por dezenas de entidades de todo o Brasil que buscam a garantia do direito à comunicação.

Neste mesmo dia, o Museu Murillo La Greca inaugura a tradicional exposição com peças do acervo do Museu, que acontece sempre no mês de agosto em comemoração ao aniversário do patrono da instituição (3.08.1899). Este recorte original do acervo visa destacar as “Obras Públicas de Murillo La Greca”. Os visitantes serão convidados a descobrir as obras do artista e o contexto urbano que as recebem. Além deste encontro no próprio museu, roteiros urbanos serão disponibilizados para convidar o público a percorrer a cidade na descoberta destes lugares peculiares.

A ‘praia’ é uma iniciativa do projeto “Eu quero Nadar no Capibaribe. E você?” (EQNC) e já teve algumas edições em outros lugares (www.capibaribe.info). Agora, a ideia é torná-la um evento mensal. “Esta praia utópica é uma linda oportunidade de se reaproximar do rio Capibaribe e curtir um espaço público da cidade com amigos e desconhecidos,” afirma Julien Ineichen, coordenador do projeto EQNC. Qualquer um pode participar, inclusive levando bóias, cadeiras, guarda-sóis ou outros elementos que caracterizem o democrático ambiente de uma praia.

Unindo-se à iniciativa, um grupo de adolescentes da Vila Vintém, vizinha ao museu, formará a tropa dos “Guardiões da Limpeza”, fiscalizando a manutenção da limpeza do local, usando jatinhos d’água, se necessário. A garotada também aproveitará para realizar uma ação teatral de conscientização sobre nossos desafios ecológicos.

Um grupo da União dos Estudantes de Pernambuco (UEP) estará presente durante todo o dia, pintando camisetas com a técnica de estencil. Quem quiser sair da praia devidamente customizado/a, pode levar sua camisa lisa e participar.

Ao cair da tarde, o outdoor localizado no jardim do La Greca vai virar tela de cinema para exibir pequenos vídeos sobre sustentabilidade, direitos humanos e comunicação. Nesse momento será lançada a campanha pela Liberdade de Expressão com a pré-estreia do filme “A peleja de Marco Regulatório e Conceição Pública na terra sem lei dos Coronéis Eletrônicos”, produzido pelo Centro de Cultura Luiz Freire com a direção de Andrea Ferraz. “Não há lugar melhor e mais democrático para se falar sobre liberdade de expressão do que a praia. Nesse dia, além de mostrar o vídeo, iremos aproveitar para dizer como é que as pessoas podem participar ativamente de nossa campanha. Afinal de contas, já chega de monocromia nos nossos meios de comunicação”, provoca Ivan Moraes Filho, roteirista do curta.

O OmbudsPE é um projeto de comunicação do Centro de Cultura Luiz Freire. É livre a reprodução para fins não comerciais, desde que a fonte seja citada e esta nota seja incluída.

Realização:

Apoio: