Cinco recomendações da Repórteres Sem Fronteiras aos prefeitos eleitos para proteger a liberdade de imprensa

Com o fim da votação em segundo turno, as cidades brasileiras já sabem quem as governará nos próximos 4 anos. Os prefeitos assumem seu mandato com diversos desafios e num contexto especialmente complexo estabelecido pela pandemia da Covid-19. Além de dilemas na...


Sociedade se une pela liberdade de expressão

Sociedade se une pela liberdade de expressão

Por Paulo Victor Melo, publicado originalmente  no Observatório do Direito à Comunicação Ganhar as ruas do Brasil em defesa da liberdade de expressão e da democratização das comunicações. Esta será a grande estratégia da campanha pela liberdade de expressão definida...

ler mais

Canal da Cidadania em pauta no Ministério das Comunicações

As normas que servirão de base para a regulamentação do Canal da Cidadania são tema de consulta pública lançada pelo Ministério das Comunicações na última terça-feira (12/03). Previsto no decreto de implementação da TV Digital no país, instituído em 2006, ele é um dos...

ler mais
Jovens discutem direito à comunicação no interior do Estado

Jovens discutem direito à comunicação no interior do Estado

Uma equipe do I Encontro Nacional sobre o Direito à Comunicação aportou em Pombos, município da Mata Sul do Estado, para mais uma prévia do ENDC. A atividade foi realizada em parceria com o Grupo de Informática, Comunicação e Ação Local - Giral, e o Serviço de...

ler mais

Artigos

A mídia alternativa e o Barão de Itararé

O nome “Barão de Itararé” é uma justa homenagem ao jornalista Aparício Torelli (1895-1971), considerado um dos criadores da imprensa alternativa no país e o “pai do humorismo brasileiro”, segundo a biografia elaborada pelo filósofo Leandro Konder. Criador dos jornais “A Manha” e “Almanhaque”, ele ironizou as elites, criticou a exploração e enfrentou os governos autoritários. Preso várias vezes, nunca perdeu o seu humor. Itararé é o nome da batalha que não houve entre[…]

ler mais

Verás que um filho teu não foge à luta!

Por Prof. Daniel Rodrigues. A necessidade de lutar nasce de várias causas. Uma delas, foi da luta para a conquista da independência, ou para defender direitos, ou ainda para que interesses legítimos sejam atendidos. Todas essas formas de luta, na história, bem como a criminalização das mesmas por parte dos poderosos, não é nenhuma novidade. São muitos os exemplos de lutadores e lutas criminalizadas. E a forma que as elites os tratam também é exemplar. Pernambuco é pródigo […]

ler mais

O OmbudsPE é um projeto de comunicação do Centro de Cultura Luiz Freire. É livre a reprodução para fins não comerciais, desde que a fonte seja citada e esta nota seja incluída.

Realização:

Apoio: