Análise de capa: Dia da Consciência Negra, as capas da mídia tradicional revelam a importância da pauta para os veículos de comunicação

Por Rebecka Santos e Rosa Sampaio Em um país racista como o Brasil, o dia da Consciência Negra é todo dia. A resistência é cotidiana e quando no jornal, a notícia estampa mais um/uma negro/a morto/a, vítima de racismo, seja ele institucional ou não. Simbolicamente, o...


Equilíbrio marca matéria do Diário sobre segmento LGBT,após reportagem de teor homofóbico.

Na matéria “Nome social garantido por lei, do caderno Vida Urbana de hoje (11/05/10), do Diário de Pernambuco, vemos no texto, o cumprimento pelo jornal, de sua função social de informar, esclarecer o leitor e apresentar as diversas vozes sociais. A página traz ainda informações não esclarecidas de matéria do dia anterior, claramente tendenciosa, de teor homofóbico, e publicada com destaque […]

ler mais

A voz silenciada do segmento LGBT em matéria do Diário de Pernambuco

Ao abrir o jornal, vemos no caderno Vida Urbana, em destaque, a matéria, em página inteira: Cruzada contra projeto de lei. Curiosamente, o leitor tem acesso a uma série de opiniões de religiosos contra o projeto, exceto às informações do projeto de lei ou dos grupos sociais que participam da discussão do PL.

ler mais

A Marcha do MST e o público (ainda) refém das linhas editoriais

“Dia de cão no Recife”, diz a manchete do Jornal do Commercio nessa manhã de terça-feira. Adiante, na matéria sobre o assunto, no caderno Cidades, o título também não alivia:  “MST invade o Recife e trânsito fica caótico”. “O caos agora virou rotina” é a chamada da...

ler mais

Quem são os cidadãos?

“Mobilizações – Por motivos mais diversos, comunidades saem às ruas, param o trânsito e atrapalham a vida dos cidadãos ”, diz matéria de título “Até onde vai o direito de protestar ? “, publicada no Diário de Pernambuco, no caderno Vida Urbana do dia 12. A pergunta que fazemos é: quem são os cidadãos, quem a matéria considera cidadão?

Os espectadores dos protestos? E os manifestantes, seriam cidadãos com direito à realização do ato público garantido por lei?

ler mais

A Justiça e a TV

O comentário homofóbico de um participante do programa Big Brother da rede Globo de televisão, de que homens heterossexuais “não pegam Aids” e de que obteve a informação por médicos, presta um desserviço a população, de acordo com o Ministério Público Federal, que entrou com um pedido de liminar contra a emissora , para que ela preste esclarecimento à população sobre a forma de transmissão do vírus HIV, de acordo com matéria publicada pelo Jornal do Commercio, da Agência Estado.

ler mais

Inocentes e culpados na mídia pernambucana

Matam-se em Pernambuco aproximadamente quatro mil pessoas por ano. Vários desses assassinatos, especialmente os mais escabrosos, normalmente ganham destaque no noticiário policialesco, seja na tevê, no rádio ou na televisão. São dezenas, às vezes centenas, todos os...

ler mais

A Parada Gay na mídia

Desde ontem (14), a mídia vem soltando dados referentes à população LGBT.  Essa repercussão está ocorrendo devido à realização da Parada Gay, em São Paulo. Sendo assim, a mídia tinha um gancho para noticiar várias informações. Só nesses dois dias, ficamos sabendo que...

ler mais

E a cor nos presídios?

Faz uma semana hoje que os jornais noticiaram a pesquisa do Ministério Público Estadual sobre o sistema prisional e os números indicaram que 90% da população carcerária não podem contratar advogado e depende da Defensoria Pública. 62% estão presos sem sentença quando...

ler mais

Canal Aberto

O OmbudsPE é um projeto de comunicação do Centro de Cultura Luiz Freire. É livre a reprodução para fins não comerciais, desde que a fonte seja citada e esta nota seja incluída.

Realização:

Apoio:

Busca